INSTITUTO PORTUGUÊS DE PSICOLOGIA E OUTRAS CIÊNCIAS INSTITUTO PORTUGUÊS DE PSICOLOGIA E OUTRAS CIÊNCIAS
   
Psicologia • Medicina • Direito • Serviço Social • Desporto • Enfermagem • Criminologia • Terapeutas • Educadores • Professores • Economia/Gestão

O Instituto Português de Psicologia e Outras Ciências é uma escola que privilegia como público-alvo os psicólogos mas, também, outros grupos profissionais para quem a Psicologia pode constituir-se como uma mais-valia no que respeita à sua valorização profissional e académica.

Protagonizamos um ensino estrategicamente orientado para o mercado de trabalho, articulando sempre as componentes prática e teórica, de forma a habilitar para a capacidade de decisão e solução de problemas na sua vida profissional.

PÓS-GRADUAÇÃO INTERVENÇÃO PSICOSSOCIAL E EM REDE COM FAMÍLIAS MULTIPROBLEMÁTICAS 

 


								PÓS-GRADUAÇÃO INTERVENÇÃO PSICOSSOCIAL E EM REDE COM FAMÍLIAS MULTIPROBLEMÁTICAS 

INSCRIÇÕES PIONEIRAS: 18% de Desconto nas propinas: Porto e Livestream até 29-08-2018

Destinatários:

Estudantes e profissionais das áreas das Ciências Humanas e Sociais, de destacar: psicologia, serviço social, criminologia, sociologia, direito, educação; e das Ciências da Saúde: medicina, enfermagem, entre outros.

DATA LIMITE DE INSCRIÇÃO: PORTO: 23-09-2018 | LIVESTREAM: 23-09-2018

CERTIFICAÇÃO INSTITUTO RECONHECIDO
coordenador Europlat

DESCRIÇÃO

COORDENAÇÃO CIENTÍFICA
coordenador
PROFESSORA DOUTORA MADALENA SOFIA OLIVEIRA

COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA:

Dr. José Pinto Gouveia

Destinatários:
Estudantes e profissionais das áreas das Ciências Humanas e Sociais, de destacar: psicologia, serviço social, criminologia, sociologia, direito, educação; e das Ciências da Saúde: medicina, enfermagem, entre outros.

Saídas profissionais: Os/as alunos/as no final da Pós-Graduação ficam habilitados/as a intervir em famílias multiproblemáticas, multiassistidas, disfuncionais ou em situação de exclusão; a exercer funções Técnicas em Instituições de Solidariedade Social, nomeadamente: IPSS, Misericórdias, Mutualidades, Fundações; mas também em entidades públicas, como Municípios, Juntas de Freguesia, Instituto da Segurança Social, Escolas, CLDS, RLIS, entre outros.

Mensagem da coordenadora científica do curso:

Ao longo da vida, muitas são as famílias que apresentam situações que colocam em causa o normal funcionamento familiar. Contudo, existem aquelas que em função de determinados fatores e disfuncionalidades (ex. habitacionais, relacionais, económicas, estruturais, entre outros) são consideradas multiproblemáticas. Junto dessas, não raras vezes, há um sentimento, por parte dificuldade em lidar/gerir as diferentes problemáticas que se lhes apresentam. Nesse sentido, esta pós-graduação surge para capacitar os profissionais; dotá-los de formação especializada, por forma a garantir ações concertadas junto destas famílias. Portanto, só reconhecendo os vários modelos de intervenção psicossocial, percebendo os mecanismos de intervenção, as estratégias diferenciadoras e o conhecimento alargado das redes formais e informais é que será possível delinear projetos de apoio às famílias que visem o seu empoderamento e capacitação.


Professora Doutora Madalena Sofia Oliveira

INTRODUÇÃO:
O interesse pelo estudo e a intervenção em famílias multiproblemáticas tem, nos últimos anos, obtido um enorme reconhecimento e interesse por parte de técnicos e académicos. Se por um lado, a intervenção acarreta enormes desafios à prática do profissional, por outro lado, a dificuldade sentida muitas vezes na articulação e cooperação entre profissionais e entidades surge com um grande handicap ao sucesso da intervenção. Neste sentido, o trabalho em rede e de forma concertada deverá ser priorizado; bem como a formação adequada e com orientação/diretrizes específicos para os diversos profissionais que intervêm na área psicossocial.

OBJETIVOS:
- Aprofundar a aquisição de conhecimentos teóricos e de carácter técnico-científico sobre a intervenção psicossocial em famílias multiproblemáticas;
- Caracterizar os vários fatores que desencadeiam a exclusão social;
- Reconhecer os princípios éticos e deontológicos no acompanhamento às famílias;
- Identificar e reconhecer os vários contextos familiares e as suas especificidades;
- Conhecer a evolução das políticas sociais de apoio à família;
- Conhecer os vários modelos de intervenção psicossocial;
- Promover o desenvolvimento de competências de aplicação do saber científico a situações práticas concretas;

COMPETÊNCIAS A ADQUIRIR:

Formação científica rigorosa, atualizada e completa sobre famílias multiproblemáticas.
Competências na elaboração de diagnósticos e elaboração de propostas de intervenção.
Competências na aquisição de uma atitudes ética e deontológica em função da problemática.
Desenvolvimento de capacidade reflexiva crítica.

METODOLOGIA DE ENSINO:

A formação será organizada numa perspectiva teórico-prática, com recurso a suporte audio-visual e participação ativa do aluno em todas as atividades propostas. Versará a apresentação e discussão de temas específicos da violência doméstica e as várias tipologias de violência, bem como a discussão de casos práticos.

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO:

Testes de avaliação
Trabalhos elaborados em contexto de sala de aula.

 

PLANO CURRICULAR


Módulo (12 horas)

Família(s): Funcionamento e acompanhamento
Família: Evolução histórica
Conceitos e tipologias
Funcionamento e estrutura familiar
Ética no acompanhamento a famílias
Visitas domiciliárias

Módulo (12 horas)

Pobreza e exclusão social em Portugal
Políticas de combate ao fenómeno
Modelos e estratégias

Módulo (12 horas)

Respostas e Projetos de apoio à família e combate à pobreza
Redes Locais de Intervenção Social
Programa Integrado de Educação e Formação
Contratos Locais de Desenvolvimento Social
Rendimento Social de Inserção
Complemento Solidário para Idosos

Módulo (12 horas)

Desafios à Intervenção Social
Competências e Recursos
Redes formais e informais
Modelos de Intervenção

Módulo (12 horas)

Mediação
Mediação de conflitos
Mediação familiar

Módulo (12 Horas)

Comportamentos Aditivos e Dependências
Tipos de intervenção
Prevenção
Dissuasão
Tratamento
Reinserção
Rede de referenciação/articulação

Módulo (12 horas)

Violência(s) em contexto familiar
Enquadramento legal
Violência doméstica e de género
Transmissão Intergeracional da Violência
Fatores de risco
Crianças e jovens vítimas de maus tratos e negligência
Abuso sexual e técnicas de entrevista

Módulo (12 horas)

Intervenção na Terceira idade
Alterações cognitivas no envelhecimento normal e patológico;
Alterações do envelhecimento cerebral;
Critérios clínicos do Declínio Cognitivo e Demências

Módulo (12 horas)

Deficiência(s) e Saúde Mental
Níveis e Tipologias
Diagnóstico e Sistemas de Apoio
Intervenção terapêutica

Módulo (12 horas)

Projetos sociais e empreendedorismo
Diagnóstico e avaliação de necessidades
Programas comunitários

 

CORPO DOCENTE

 

PROFESSORA DOUTORA MADALENA SOFIA OLIVEIRA

Professora Doutora Madalena Sofia Oliveira é doutora na especialidade de Psicologia e licenciada em Serviço Social . Especialista e mestre em Ciências Forenses pela FMUP, onde leciona, enquanto externa. Colabora, ainda, na qualidade de Professora Auxiliar Convidada no IUCS-CESPU e no Instituto Superior de Ciências Jurídicas e Sociais (Cabo Verde). Atua, como assistente social, formadora, consultora e supervisora pedagógica nas áreas social e forense. É juíza social no Tribunal de Família e Menores do Porto. Na Associação Portuguesa de Ciências Forenses (APCF) assume a coordenação do Serviço Social Forense; e é membro da direção da Associação de Investigação e Promoção da Economia Social (AIPES). Do seu percurso profissional destaca-se a experiência, em entidades públicas e privadas, na intervenção com vítimas de crimes; com crianças e jovens em risco/perigo, no sistema de promoção e proteção e tutelares educativos; a intervenção psicossocial em contextos multiproblemáticos e vulneráveis; e na atuação, reabilitação e reintegração física, económica e social de vítimas em que resulte grave afetação da funcionalidade. Dedica-se ao estudo da violência nas relações de intimidade, violência familiar, violência de género, transmissão intergeracional da violência, promoção e proteção dos direitos da criança e famílias multiproblemáticas, tendo daí resultados diversas publicações e apresentações em congressos nacionais e internacionais, e o livro Transmissão Intergeracional da Violência editado pela Chiado Editora. Possui uma vasta experiência formativa, tendo sido docente/formadora de centenas de profissionais da educação, saúde e ação social; nas áreas psicossocial e forense, em diversos contextos, e neste âmbito coordenado mais de uma dezena de pós-graduações.

Mestre Pedro Perista

Mestre Pedro Perista é Sociólogo, investigador no CESIS - Centro de Estudos para a Intervenção Social. Tem desenvolvido o seu trabalho nomeadamente na área das Políticas Sociais e Proteção Social, Pobreza e Exclusão Social e Igualdade de Género. Integra, atualmente, a Rede Europeia de Peritos/as no domínio de Política Social, a equipa ponto focal nacional da Agência para os Direitos Fundamentais da União Europeia (FRA) e a coordenação da secção de Pobreza, Exclusão Social e Políticas Sociais da Associação Portuguesa de Sociologia. Tem cerca de três dezenas de textos publicados, entre artigos, livros e capítulos de livros, em publicações e e-publicações a nível nacional e internacional e participa, regularmente, como orador em seminários e conferências.

Mestre Maria José Maia

Mestre Maria José Maia é assistente social, mestre em Serviço Social pelo ISSSL e diplomada em Estudos Avançados em Serviço Social pelo ISSSLisboa/ISCTE. Desde 1994 que tem vindo a exercer funções enquanto assistente social em diversos programas, projetos e serviços, de destacar: Projeto de Luta Contra a Pobreza “Raízes para um Futuro de Sucesso”; Projeto de Luta Contra a Pobreza “Realojamento, Solidariedade e Desenvolvimento”; Projeto de Luta Contra a Pobreza “Agir”; Projeto “Adrenalina”. Exerceu ainda funções enquanto Técnica Superior na Equipa Central da Linha Nacional de Emergência Social – 144; no Gabinete Técnico de Apoio para Fundos e Programas Europeus, do ISS, IP,; na Equipa de Ação Social da Loja do Cidadão dos Restauradores – Unidade de Proteção Social e Cidadania do CDSS de Lisboa; foi, ainda, coordenadora executiva do Programa Contratos Locais de Desenvolvimento Social (CLDS); atuou nas grandes áreas de competência do Departamento de Desenvolvimento Social e Programas-Unidade de Apoio a Programas do ISS, IP.; sendo que atualmente integra o Departamento de Desenvolvimento Social – Unidade de infância e Juventude – Setor de Assessoria Técnica aos Tribunais e Acolhimento do ISS. Desenvolveu, também, atividade de docência no Instituto Superior de Serviço Social de Lisboa e ao abrigo do Programa de Cooperação entre o Ministério da Segurança Social e do Trabalho e o Ministério da Administração Pública e Trabalho da Guiné-Bissau, lecionou no II do Curso de Intervenção Social na Guiné-Bissau.

Professora Doutora Luiziana Souto Shaefer

Professora Doutora Luiziana Souto Shaefer é Psicóloga. Doutora em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Brasil (PUCRS) com período de estágio no Departamento de Medicina Legal e Ciências Forenses (Universidade do Porto) e no Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses - Delegação do Norte, Portugal (INMLCF,I.P.). Mestre em Psicologia/Cognição Humana (CNPq/PUCRS). Especialista em Psicologia Jurídica e em Psicologia Clínica (Conselho Federal de Psicologia). Especialização em Psicoterapia Cognitivo-Comportamental (WP Centro de Psicoterapia Cognitivo-Comportamental). Docente em Cursos de Graduação, Extensão e Pós-Graduação. Pesquisadora Pós-Doc (CAPES) na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto e no Núcleo de Estudos e Pesquisa em Trauma e Estresse - NEPTE da PUCRS. Perita Criminal Psicóloga no Departamento Médico-Legal do Instituto-Geral de Perícias do Rio Grande do Sul (IGP-RS). Chefe substituta da Equipe de Perícias Psíquicas (IGP-RS). Investigadora na área de Psicologia, com ênfase em Ciências Forenses, Perícia Psicológica, Psicoterapia e Abuso Sexual contra Crianças, atuando nos seguintes temas: Trauma, Violência, Entrevista Forense e Transtorno de Stress Pós-Traumático

Professora Doutora Sarita Amaro

Professora Doutora Sarita Amaro é assistente social, mestre e doutora em Serviço Social (Brasil) e Pós-doutorada em Serviço Social na Educação (Portugal). Reúne uma experiência que ultrapassa 20 anos de atuação como assistente social e docente-pesquisadora no meio acadêmico. Foi consultora do International Fellowships Program da Ford Fundation e Avaliadora de Periódicos do Portal Scielo. Recebeu o Troféu Pena Libertária do SINPRO-RS. Tem colaborado com inúmeros periódicos nacionais e internacionais como avaliadora e membro de comissão científica. É consultora do Ministério da Educação brasileiro. Intelectual de matriz crítica, é autora de mais de 30 livros sobre educação, serviço social, direitos infanto-juvenis, populações discriminadas e políticas sociais. Porto editora, Chiado, Autografia, Vozes, Edipucrs e Nova Casa (Espanha) são algumas das editoras onde podemos encontrar seus principais livros.

Professora Doutora Margarida Sobral

Licenciada em Psicologia, pela FPCE-UP; Mestre em Psicologia, pela FPCE-UC; Doutorada em Gerontologia e Geriatria, pelo ICBAS-UP; Exerce funções como Psicóloga Clínica no Serviço de Psicogeriatria do Hospital de Magalhães Lemos no Porto.

Dra. Sofia Rodrigues

Psicóloga, Doutoranda em Psicologia na Universidade de Aveiro; Pós-graduada em Análise e Intervenção Familiar; Especialização em Intervenção Sistémica e Familiar pela Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar; Consultora, Supervisora e Formadora nas áreas de intervenção social com famílias muito vulneráveis, em particular na implementação de abordagens colaborativas e gestão de caso e metodologia Photovoice; Co-autora de artigos científicos, capítulos de livros nacionais e internacionais e revistas internacionais na área da psicologia, intervenção comunitária, pobreza e exclusão social e cidadania, a destacar:
- Famílias Pobres: Desafios à Intervenção Social. (2007). Lisboa: Climepsi Editores;
- Strengthening Vulnerable Families. (2008) New York: Nova Science Publishers.
- The collaborative professional: towards empowering vulnerable families (2012), In Journal of Social Work Practice: Psychotherapeutic Approaches in Health, Welfare and the Community.
- Linking formal and informal support in multiproblem low-income families: the role of the family manager (2009), Journal of Community Psychology;
- Are Practitioners incorporating a strengths-focused approach when working with multi-problem poor families? (2007), Journal of Community & Applied Social Psychology;
- Intervention with multi-problem poor clients: towards a strengths-focused perspective (2007), in Journal of Social Work Practice

Doutora Carla Rocha

Doutorada em Psicologia Clínica e Psicobiologia pela Universidade de Santiago de Compostela; Mestre em Psicologia Clínica pela Universidade do Minho; Licenciada em Psicologia pela Universidade do Porto. Pós graduada em Psicoterapia Cognitiva Narrativa; Especialista em Psicologia Clínica (pelo Ministério da Saúde), em Psicoterapia e Psicologia Comunitária pela OPP. Psicóloga Clínica e investigadora com 20 anos de experiência profissional em diferentes áreas de intervenção nos Comportamentos Aditivos e Dependências. Nos últimos 10 anos dirigiu o seu trabalho para a área da Prevenção de CAD e da Promoção da Saúde. Atualmente exerce funções de Psicologia Clínica no Núcleo de Prevenção na DICAD da ARS, Norte, IP e em Clínica Privada. É ainda Formadora e Supervisora Clínica do Instituto Português de Psicologia. Atuais interesses de investigação: Promoção da saúde e Prevenção de CAD, particularmente ao nível do Ensino Superior.

Professor Doutor Pedro Cunha

Pós-Doutorado em Psicologia na Universidade de Santiago de Compostela, sob orientação dos Profs. Doutores Gonzalo Serrano (Espanha) e Jorge Correia Jesuíno (Portugal), tendo-se dedicado à relação entre género e estilos de gestão de conflito. Doutor em Psicologia pela USC (tendo sido bolseiro da Fundação para a Ciência e Tecnologia). Licenciado e Mestre em Psicologia Clínica e da Saúde pela Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica Portuguesa do Porto. Licenciado em Sociologia pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Certificado de Mediador de Conflitos e Mediador Familiar. Diretor da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Fernando Pessoa (2001-2004), na qual é Professor Associado com Agregação. Docente convidado da FEP – Faculdade de Economia e na PBS/Porto Business School da Universidade do Porto, desde 2006/07. Autor de vários artigos sobre gestão de conflitos, negociação e mediação em Revistas nacionais e estrangeiras. Autor de “Conflito e Negociação” (2008, 2ª edição, Porto: Asa). Co-autor de “Processos de Grupo: Um Manual para Estudantes e Profissionais“ (2016, Gaia: Fundação Manuel Leão) e “Manual de Gestão Construtiva de Conflitos (2016, 3ª edição, Porto: Edições UFP). Editor/organizador, entre outros, de “Construir a Paz: Visões Interdisciplinares e Internacionais sobre Conhecimentos e Práticas” (2012, Porto: Edições UFP, 4 volumes), “Mediação: Uma Forma Alternativa de Resolução de Conflitos - Actas do Colóquio” (2004, Porto: Edições UFP) e “Mediação: Reflexões sobre Práticas - Actas do II Colóquio sobre Mediação” (2010, 2ª Edição, Porto: Edições UFP). Desde há cerca de 20 anos que os seus interesses profissionais e de investigação se direccionam prioritariamente para as áreas de gestão de conflitos, negociação e mediação em diferentes âmbitos da vida social.

 

CALENDARIZAÇÃO E LOCALIZAÇÃO

Duração: 120 h Presenciais

 

LIVESTREAM PORTO

13 e 14 de Outubro de 2018;

03 e 04 de Novembro de 2018;

17 e 18 de Novembro de 2018;

15 e 16 de Dezembro de 2018;

05 e 06 de Janeiro de 2019;

19 e 20 de Janeiro de 2019; 

02 e 03 de Fevereiro de 2019;

16 e 17 de Fevereiro de 2019;

02 e 03 de Março de 2019;

16 e 17 de Março de 2019.

13 e 14 de Outubro de 2018;

03 e 04 de Novembro de 2018;

17 e 18 de Novembro de 2018;

15 e 16 de Dezembro de 2018;

05 e 06 de Janeiro de 2019;

19 e 20 de Janeiro de 2019;

02 e 03 de Fevereiro de 2019;

16 e 17 de Fevereiro de 2019;

02 e 03 de Março de 2019;

16 e 17 de Março de 2019.

Plataforma Online do

Instituto Português de Psicologia e Outras Ciências

 Instituto Português de Psicologia e Outras Ciências

Rua de Camões Nº 219, 5º Piso
4000-145 Porto

 

Nota: datas sujeitas a eventuais alterações.

Horário:
Sábados das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00
Domingos: 9h às 13h

 

 

INVESTIMENTO

Inscrição: 150,00€
Propina: 1.490,00€
Seguro escolar: 20,00€
Condições de pagamento Pronto pagamento Pagamento fracionado
12% desconto 12 mensalidades
Normal Inscrição +
+ 1.311,20€ (1)
Inscrição
+ 124,20€ / mês (1)
(Ex) Alunos do INSPSIC (15% desconto no p.p.) Inscrição
+ 1.266,50€ (2)
Inscrição
+ 111,80€ / mês (2)

(1) Pronto pagamento beneficia de 12% de desconto nas propinas. Desconto aplicável na condição de ser efectivada a liquidação total do investimento nos 5 dias úteis pós validação da inscrição.

(2) Alunos e ex-alunos do INSPSIC beneficiam de 15% desconto na propina (opção pronto pagamento) ou 10% de desconto na opção pagamento fraccionado em mensalidades.

(3) Estudantes externos e temporariamente inativos beneficiam de 12% na opção pronto pagamento e também na opção pagamento fracionado em mensalidades.

(4) TRAGA UM AMIGO / 5% desconto por cada amigo até ao limite do pagamento integral da Pós-Graduação / Curso. Opção acumulável com outros descontos em vigor.

- INSCRIÇÕES PIONEIRAS: 18% desconto nas propinas se realizadas até 45 dias antes da data inicial do Curso / Pós-Graduação.

Nenhum desconto, cartão ou campanha é acumulável entre si, excepto Com a opção "TRAGA UM AMIGO".

O Curso com “preço especial” é cumulativo apenas com a opção "TRAGA UM AMIGO".

Seguro Escolar: 20 euros. Este valor deverá ser regularizado conjuntamente com a 1ª propina ou com o pronto pagamento.

Seguro Escolar: 8 euros. Este valor deverá ser regularizado conjuntamente com a 1ª propina ou com o pronto pagamento dos cursos com duração inferior a 24 horas.

Pagamento por transferência para o IBAN: PT50 0033 0000 4541 1532 8050 5

SWIFT/BIC: BCOMPTPL

 

Observações:

(1) A data limite poderá ser antecipada em caso de se verificar o preenchimento do limite de vagas existentes.
(2) Na eventualidade de não atingir o número mínimo de participantes, esta pós-graduação poderá sofrer alteração de datas ou mesmo ser cancelada, ficando salvaguardada a devolução de todas as importâncias recebidas pelo Instituto Português de Psicologia;
(3) Em caso de desistência só haverá lugar à devolução da candidatura quando a mesma for comunicada até 10 dias úteis antes da data agendada para o arranque da formação.
(4) Em períodos de campanha, haverá lugar à devolução dos valores investidos unicamente em situação de adiamento superior a 30 dias ou cancelamento da Pós-Graduação ou Curso em que se tenha inscrito motivado pelo não atingimento do número mínimo de inscrições necessárias ao seu início;
(5) No caso de optar pelo pagamento fracionado das propinas, o mesmo deverá ser efetuado até ao dia 10 de cada mês, após início da formação;
(6) No caso de optar pelo pagamento na totalidade, o mesmo terá de ser efetuado nos 5 dias úteis após validação da inscrição;
(7) O local de formação poderá estar sujeito a alterações por indisponibilidade do mesmo, mantendo-se sempre na mesma cidade;
(8) O Instituto Português de Psicologia reserva-se ao direito de não admissão.
(9) Toda a informação contida em cada formação é válida, salvo anomalia técnica, informática ou erro gráfico;

 

Cursos Relacionados

Testemunhos